Assine nossa newsletter

Receba em primeira mão nossas postagens! :)

Como foi o Lollapalooza 2016

Sabe aquelas conversas de começo de romance, onde um manda pro outro musiquinhas? Pois é, a primeira que o Thiago me mandou foi do Mumford and Sons. Nós dois adoramos a banda, e quando soubemos que eles estavam confirmados no Lollapalooza 2016 precisamos ir. Compramos o ingresso ainda no ano passado, e parcelamos pois né, ninguém aqui tá rico ainda.



Fomos apenas no dia 12, sábado. Pegamos o metrô/trem e fomos em direção a estação Autódromo. Chegando lá, descemos e seguimos andando a uma média de 5km/h, pois era uma multidão que me senti quase em TWD. Andamos bastante, e entramos no Lolla por volta de 13h30. Seguimos para o caixa para comprar os Mangos (Cotação R$4 para M$4). Vamos falar dos preços:
Cervejas: R$12
Pastel: R$12
Hamburguers: Média de R$24
Porção de mini-churros: R$8
Sorvetes: R$4 ou R$8
Cachorro-quente: R$12
Água: R$4
Não achei os preços super caros, principalmente se compararmos com o Rock in Rio. Lá tinha o Chef’s Stage, uma área com barracas de chefes renomados, com comida boa e super acessível. Comemos um burger do Fogaça, que estava simplesmente delicioso, e custou 24 mangos.


O evento é gigante, e é preciso ir preparado para andar MUITO. Aproveitamos que chegamos cedo e fomos na roda gigante, e ficamos cerca de uns 40 minutos na fila. Os shows que queríamos ver começavam apenas as 17h, que era o Of Monsters and Mens. Fiquei bem triste porque a acústica do Autódromo é péssima, e de onde estavamos quase não escutamos nada. Depois teve Halsey, que foi incrível e adoramos. Eu já era fãzinha, mas até o Thiago curtiu. Depois teve o show do Mumford, que foi absolutamente maravilhoso. Saímos antes do fim para ir ver Eminem, que também foi excelente, mas a essa hora (21h30) meu pé já estava latejando e eu não aguentava mais ficar em pé, e quase chorei de dor.
A parte mais complicada de todas foi ir embora. Andar muito, não achar Uber, congestinamento, e aí resolvemos ir de Trem, porém naquele horário já não conseguiríamos voltar de transporte público para casa. Então pegamos o trem e descemos em outra estação, para enfim pegar um Uber. E é essa nossa reclamação: Transporte público de SP parando às 1h, em dia de grande evento, é pra fu$%# com a gente, né?

Enfim, foi meu primeiro Lolla e amei. O Thiago já veio em outros, e chegou a conclusão de que está velho demais para andar tanto! Vem ver o vídeo com alguns momentos que gravamos por lá:

Siga no Instagram